Sunday, 21/7/2024 | 8:06 UTC-3

3 maiores erros que um empreendedor online não deve cometer

Todo empreendedor tem os seus desafios, por isso, é preciso tomar alguns cuidados para evitar problemas no futuro. Para te ajudar, separamos os três maiores erros que um empreendedor online não deve cometer.

Cada mês que passa aumenta o número de empreendedores no Brasil, de acordo com uma pesquisa global do segmento, o país é o sétimo com mais empreendedores. Mas, para que tudo dê certo, o ideal é não ter nenhum problema, não é mesmo? Por isso, vamos listar os maiores erros que um empreendedor online não deve cometer.

Ser um empreendedor online é uma grande oportunidade de conseguir um dinheiro a mais e, se tudo der certo, ter a sua independência financeira.

Muitas pessoas acham que só porque sabem mexer na internet já estão aptas para começar a ter um negócio, mas um empreendedor online deve ter um conhecimento que vai além desta habilidade. Portanto, é necessário prestar atenção em alguns erros para não desanimar ou até mesmo perder o negócio.

O importante é que, diferente de uma grande empresa, o negócio online, principalmente se tiver no começo, é fácil reparar erros que possam ser cometidos. Porém, para que você não tenha problemas, vamos mostrar os maiores erros que um empreendedor online não deve cometer.

Maiores erros que um empreendedor online não deve cometer

Já pegou a caneta e o papel? Preste atenção e não deixe passar nenhum detalhe, desta forma, o seu negócio online será um sucesso!

Conheças alguns erros:

1 – Não avaliar a concorrência

Fazer um estudo do nicho é o primeiro passo que você deve dar quando vai começar a empreender online. Você precisa analisar como os principais tipos de negócios online concorrentes estão trabalhando, quais produtos e os valores que eles estão oferecendo, estratégias de promoção, dentre outros detalhes.

Não fazer isso pode trazer alguns problemas para o seu negócio como, por exemplo, a falta de interesse do público pelo seu produto.

2 – Não fazer o planejamento adequado

Todo negócio precisa de planejamento. Não passar por esta etapa pode ser considerado um erro grave do empreendedor online. Neste ponto, podem acontecer dois erros: excesso ou falta de planejamento, sendo que, no caso de excesso, o empreendedor coloca um dinheiro considerável no negócio, que é feito até por um consultor externo.

Nesta decisão, o planejamento é terceirizado e ele pode investir um valor de dinheiro que, no primeiro momento, talvez não seja necessário.

O ideal é que você tenha total controle e entendimento do planejamento do negócio. Para isso, existem vários exemplos pré-prontos na internet que podem te auxiliar neste processo.

Aqui não estamos falando apenas do planejamento financeiro, é necessário também traçar estratégias essenciais para captação de clientes, por exemplo.

Sobre o planejamento financeiro, é importante separar um dinheiro para os dois primeiros anos do negócio, que pode ser o período que a empresa precisa para começar a dar lucro.

3 – Não abrir uma empresa

Por conta do custo e de burocracias, alguns empreendedores online optam por não criar uma empresa e isso pode ser um erro e, com isso, não formalizam o negócio, já que o CNPJ traz a formalidade para uma empresa.

Além da informalidade, o empreendedor online pode sofrer alguns danos como, por exemplo:

  • O empreendedor online pode sofrer vários tipos de penalidades na Receita Federal;
  • Sem CNPJ, não terá como emitir notas fiscais para nenhum tipo de pessoa;
  • Você não poderá contratar colaboradores e não será possível ter uma conta jurídica no banco para movimentações da empresa;
  • Não ter um CNPJ pode demonstrar uma falta de profissionalismo para os usuários que acessarem o seu site.

Por Patrícia Luyze 

About

O site Falando de Gestão tem a missão de produzir conteúdo capaz de despertar Insights positivos nos leitores.

POST YOUR COMMENTS

Your email address will not be published. Required fields are marked *