Falando de Gestão

O Etarismo nas Organizações: O Preconceito Ligado à Idade é Descoberto

Leia também (52)

Por Pedro Paulo Morales

Nas últimas semanas, um termo vem ganhando destaque na imprensa nacional: o Etarismo. De forma simples, podemos defini-lo como o preconceito ligado à idade de uma pessoa, que afeta tanto os profissionais mais jovens quanto os mais experientes.

O aumento da idade média dos profissionais ativos no mercado de trabalho é uma realidade evidente. De acordo com um estudo da plataforma online Maturi em parceria com a consultoria EY Brasil, 26% da população brasileira tem mais de 50 anos, e até 2040, 57% da força de trabalho terá mais de 45 anos.

Diante desses números, surge a urgente necessidade de desenvolver novos métodos de trabalho para evitar o etarismo nas organizações. O desafio é equilibrar situações em que profissionais mais experientes recebam ordens de pessoas jovens, que poderiam em alguns casos ser seus filhos, simultaneamente é preciso ensinar líderes mais jovens a terem paciência com colaboradores que já não possuem a agilidade de quem está no início de carreira.

Embora se fale frequentemente sobre o preconceito contra profissionais mais maduros, é importante lembrar que também existe o preconceito dos profissionais mais experientes contra os mais novos. A busca por acomodar todos os talentos nas organizações é um desafio enorme para os gestores de pessoas.

Uma das abordagens para superar esse obstáculo é criar um ambiente de respeito e compreensão nas empresas, incentivando o convívio entre os profissionais de diferentes idades para integrar as equipes. Estudos, como o realizado pela consultoria McKinsey and Co sobre diversidade, apontam que as empresas com maior diversidade de gênero têm 21% mais chances de apresentar resultados acima da média do mercado.

Refletir sobre o etarismo e suas implicações é fundamental para construir ambientes de trabalho mais inclusivos, onde a experiência e a juventude possam caminhar juntas em prol do sucesso organizacional. Que a busca pela equidade e o respeito mútuo sejam pilares na construção de um mercado de trabalho mais justo e promissor!

Vamos refletir e sucesso!

About

O site Falando de Gestão tem a missão de produzir conteúdo capaz de despertar Insights positivos nos leitores.

POST YOUR COMMENTS

Your email address will not be published. Required fields are marked *