Archive for Pedro Paulo Morales

O Modelo Japonês de Administração

O Modelo Japonês de Administração

Por Pedro Paulo Morales

Na metade do século passado surgiu no Japão um novo modelo de gestão que propunha melhorar as técnicas e preposições ocidentais. Este novo modelo se desenvolveu sobre o Sistema Toyota de Produção que com a difusão de suas ideias tornou-se um dos principais pilares que sustentam a competitividade da economia global. Leia Mais

As fábricas em alto mar

Pedro Paulo Morales - Editor do Blog

Por Pedro Paulo Morales

Um trecho do programa “O Imponderável” apresentado por Gil Giardelli na Record News me chamou muita atenção.

Gil Giardelli trouxe o exemplo da Li & Fung Limited empresa sediada em Hong Kong e fundada em 1906 por Fung Pak-liu um professor de inglês. A empresa iniciou suas operações com foco no comércio de artesanato da China para o Ocidente até se tornar a corporação multinacional de hoje, gerenciando cadeias de suprimentos complexas para marcas e grandes varejistas em todo o mundo, o que significa que a roupa e o celular que você está usando pode ter sido produzido em várias partes do mundo. Leia Mais

Positividade Tóxica

Pedro Paulo Morales - Editor do Blog

A positividade tóxica surge quando se tem dificuldade em aceitar a realidade.

Por Pedro Paulo Morales

Se você ouviu ou fala frases como “não pense nisso, seja positivo” ou “poderia ser pior” ou até mesmo a frase “no final vai dar tudo certo” saiba que essas frases são ditas por pessoas que apresentam uma característica de positividade tóxica.

A positividade tóxica surge quando se tem dificuldade em aceitar a realidade ou quer se parecer uma pessoa muito positiva ou animada. Pensar positivo é uma das características mais apreciadas hoje em dia tanto no mundo corporativo quanto nas relações pessoais porem pensar positivo todo o tempo pode ser um problema, estamos Leia Mais

O “apagão” de profissionais e o pagode sem graça

Pedro Paulo Morales - Editor do Blog

Por Pedro Paulo Morales

No ano de 2019 já se falava em “apagão de mão de obra”. A expressão “apagão de mão de obra” é usada para indicar que a economia pode limitar seu crescimento por falta de pessoas qualificadas para o trabalho.

Segundo uma pesquisa feita pela empresa de recursos humanos Korn Ferry com executivos de empresas no País em 2019 e publicada no site Infomoney mostrava que, no ano de 2020, haveria um déficit de 1,8 milhão de pessoas para vagas mais especializadas nas áreas de relacionados ao desenvolvimento digital e tecnológico que envolvem profissões como como segurança da informação, cientista de dados, analista de marketing digital e de desenvolvimento de produtos tecnológicos. Leia Mais

Vivendo com se estivesse no Titanic

Pedro Paulo Morales - Editor do Blog

No filme quando o navio começa a afundar conseguimos identificar várias reações dos personagens frente a tragédia que podemos compará-las com reações de algumas pessoas estão demonstrando frente a situação de pandemia que estamos vivendo.

Há muito tempo já queria ter escrito este artigo. Ao ver como as pessoas estão se comportando diante a pandemia do Coronavírus tento compreender as reações de cada grupo de pessoas frente essa doença que está fazendo o mundo ficar muito complicado.

Quando penso sobre o assunto lembro do filme Titanic estrelado por Leonardo DiCaprio como Jack Dawson, e Kate Winslet como Rose DeWitt Bukater., que conta em forma de ficção o naufrágio do RMS Titanic um navio de passageiros britânico luxuoso e mais seguro de sua época e que era considerado “inafundável”. Leia Mais