Falando de Gestão

Nestlé Adquire a Kopenhagen em uma Transação de R$ 4,5 Bilhões e Reforça sua Presença no Mercado de Chocolates

Em uma transação de grande relevância para o cenário empresarial, a Nestlé concluiu a compra da Kopenhagen, uma das marcas de chocolates mais prestigiadas do Brasil. Além da Kopenhagen, a Nestlé também adquiriu as empresas Brasil Cacau e a rede de cafeterias Kop Koffe, solidificando ainda mais sua presença no setor de chocolates e cafeterias no país.

O negócio, avaliado em cerca de R$ 4,5 bilhões, é um passo estratégico para a Nestlé na expansão de seu portfólio de produtos e fortalecimento de sua liderança no mercado brasileiro de alimentos e bebidas.

De acordo com informações da diretoria, a Nestlé planeja manter intacta a liderança da Kopenhagen e tem planos ambiciosos para a marca. A empresa pretende triplicar o faturamento da Kopenhagen, enfatizando que a operação da empresa continuará autônoma.

O Grupo CRM, controlador da Kopenhagen, que atualmente opera com aproximadamente 1.100 lojas, planeja expandir significativamente sua presença, alcançando 2 mil lojas até 2026. Essa expansão demonstra confiança e otimismo no futuro do setor de chocolates e cafeterias no Brasil.

É relevante destacar que o Grupo CRM, dono da Kopenhagen, tinha a participação do fundo de private equity americano Advent International, que recentemente desinvestiu em sua participação no Carrefour. O fundo Advent International estava ligado ao Grupo BIG, que detinha o controle do Bompreço, que por sua vez adquiriu ao Walmart.

A história da Kopenhagen remonta ao casal de imigrantes da Letônia, David e Anna Kopenhagen, que iniciou a produção de doces em sua casa em São Paulo em 1928. O sucesso desses doces levou a empresa a inauguração da primeira fábrica da Kopenhagen no bairro do Itaim Bibi, em São Paulo, em 1943. Esse empreendimento marcou o início da expansão da empresa, tornando-se conhecida em todo o Brasil pela qualidade de seus produtos e liderança no segmento de chocolates finos.

A Kopenhagen também inovou ao investir em cafeterias dentro de suas lojas, proporcionando uma experiência única ao unir seus chocolates requintados com cafés especiais. Em 1982, a empresa iniciou sua expansão por meio do sistema de franquias. Em 1996, o Grupo CRM de Chocolates adquiriu a Kopenhagen, e em 2020, o Grupo CRM vendeu os seus negócios à gestora de fundos Advent International.

Hoje, a Kopenhagen mantém uma impressionante rede de mais de 1.000 lojas, entre unidades próprias e franqueadas, continuando a ser uma referência de qualidade e sabor no mundo dos chocolates finos.

 

About

O site Falando de Gestão tem a missão de produzir conteúdo capaz de despertar Insights positivos nos leitores.

POST YOUR COMMENTS

Your email address will not be published. Required fields are marked *