Por que não somos criativos?

pedro-novo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pedro Paulo Morales

Escrever sobre criatividade é muito complicado. Este final de semana assisti a palestra Criatividade para Solução de Problemas de Murilo Gun e finalmente comecei a entender o motivo pelo qual temos dificuldades para inovar e empreender.

Segundo Murilo o motivo pelo qual falta criatividade para as pessoas é motivado, infelizmente porque não fomos ensinados a pensar. Os motivos estão na criação dos primeiros cursos de educação. No início do século passado para formar trabalhadores para as modernas linhas de montagem que surgiam onde as pessoas tinham que fazer dezenas de tarefas repetitivas era preciso ensinar para as pessoas conhecimentos padrões que pudessem ser aproveitados em todas as funções, do chão da fabricas aos escritórios mais confortáveis.

 Esses conhecimentos eram e são sempre os mesmos, adaptados cada um a seu tempo, em todas as séries e ciclos do aprendizado. Se compararmos a dinâmica do ensino com a dinâmica de uma linha de montagem veremos que durante a vida do estudante, geralmente 20 anos, os conhecimentos são “colocados” e avaliados sempre da mesma forma e tudo se resume a resposta certa ou seja tudo é gabaritado, não existe espaço para outro tipo de resposta que não seja aquela do gabarito.

344671_818911_inovacao_web_

Não estou querendo dizer que a prova é dispensável, ela é muito importante, mas os alunos devem ser avaliados por outros critérios que não seja o tripé prova, trabalho e as vezes comportamento. Um dos critérios por exemplo poderia ser criatividade para soluções de problemas.

Depois que saímos da faculdade somos cobrados por algo que não foi ensinado, a criatividade. Hoje as novas tecnologias nos trazem novos desafios a cada dia. Para que estejamos preparados é preciso muita criatividade e inovação para resolve-los. Uma das maneiras de desenvolver essa criatividade é ter curiosidade em aprender novas coisas mesmo as não relacionadas ao seu campo profissional.

Um dos hábitos que podem ser desenvolvidos, por exemplo é ler sobre assuntos que não tenham nada a ver com sua carreira profissional ou seu gosto de leitura. Esse hábito é muito importante pois possibilita que tenhamos contatos com novas ideias ou soluções implementadas em outras áreas possam na auxiliar na solução de um problema ou desfaio.

Esse método é chamado por Murilo Gum de Combinatividade segundo ele grande parte das coisas existentes foram combinações de coisas já existentes e por isso é importante ter um bom repertório de ideias porque quando menos se espera os conhecimentos podem ser conectados e daí surgir uma solução criativa e inovadora.

Agora que você já sabe porque não somos criativos comece a ler mais para desenvolver sua criatividade pois como vimos a criatividade e inovação tem a ver com conectividade de conhecimentos simples ou complexos.

Vamos refletir sobre isso e sucesso!

Pedro Paulo Galindo Morales é Graduado em Gestão, Especialista em Controladoria e Técnico em Contabilidade. Atua também como Coordenador de conteúdo do Site Falando de Gestão www.pedropaulomorales.com, pedropaulomorales@yahoo.com.br

Deixe uma resposta