O que você deve saber sobre como escrever um bom texto

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Por Cursos 24 horas

Veja algumas das principais dicas de como escrever um bom texto, que vão desde a escolha do público até o estudo das novas regras gramaticais

Você pode até não ser um escritor profissional, no entanto, não importa o tipo de carreira em que você esteja, provavelmente precisará escrever algo em um momento ou outro. Alguns exemplos incluem: artigos, conteúdo da web, relatórios, e-mails, cartas de apresentação e currículos.

Para ajudá-lo quando um destes momentos chegar, preparamos algumas dicas gerais de escrita que você deve considerar, independentemente do tipo de redação que você precisa fazer.

Elas vão desde a escolha do público até como escrever um bom texto. Aproveite esta oportunidade para melhorar suas habilidades gerais de escrita.

1 – Conheça seu público para saber como escrever um bom texto

Para qualquer tipo de escrita, de romances a relatórios de negócios, a primeira coisa que você precisa fazer é identificar seu público: as pessoas que irão ler seu trabalho.

O público para o qual você está escrevendo determinará o tom, o estilo e até mesmo o assunto do seu material.

Antes de começar a escrever, faça algumas anotações sobre o seu público-alvo. Isso o ajudará a ter certeza de que o que você escreve agradará a esse público e atenderá às suas necessidades e desejos.

2 – Defina seu objetivo

Você também deve identificar o propósito de escrever para o seu público. Se você identificar seu objetivo com antecedência, será capaz de manter sua redação bem focada nessa meta.

Você também poderá orientar seus leitores a realizar qualquer ação que você queira que eles realizem. Se você está escrevendo uma carta de vendas, por exemplo, seu objetivo é persuadir os leitores a comprar um produto ou serviço específico.

Faça algumas anotações quanto ao propósito de tudo o que você vai escrever. Será mais provável que você cumpra esse objetivo se dedicar um tempo para se tornar bem ciente disso antes de começar a escrever.

3 – Decida a estrutura

Ao planejar seu projeto de redação, decida sobre a melhor estrutura para ele. Ou seja, crie uma maneira de organizar melhor as informações sobre as quais escreverá.

Se você criar uma estrutura para seu projeto, terá em mãos um poderoso “mapa do tesouro”.

Um bom artigo de não ficção, por exemplo, geralmente começa com um título atraente, seguido por uma frase “gancho”, que é parte de um parágrafo introdutório que atrai o leitor. Este parágrafo é seguido pelo corpo do artigo, que cobre os pontos principais da peça, e então finaliza com uma conclusão.

Se você não tem certeza de como deve estruturar o material que precisa para escrever, estude algo semelhante. Anote como foi estruturado. A mesma estrategia pode funcionar bem para o seu material.

4 – Escreva de forma simples

Na maior parte, a melhor escrita é aquela fácil de ler e entender. Tente escrever de forma simples, mas sempre seguindo as novas regras gramaticais para entender como escrever um bom texto.

Além disso, varie o comprimento da sua frase. Use muitas frases curtas com algumas frases mais longas misturadas em cada parágrafo. Certifique-se de que suas frases “puxem” o leitor pelo texto em uma ordem lógica.

5 – Estude as novas regras gramaticais

Com o objetivo de uniformizar e unificar a grafia nos países de língua portuguesa e aproximar a palavra escrita da palavra falada, o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa foi assinado em Lisboa em 1990 por representantes oficiais dos países participantes.

Em 2009, entrou em vigor e começou a ser implementado em documentos oficiais, escolas, meios de comunicação, etc.

Para dar tempo às pessoas para se adaptarem, foi definido um período de transição, que terminou no início de 2015.

O objetivo do acordo é fortalecer o papel da língua além-fronteiras e garantir a uniformidade linguística entre todos os países onde o português é a língua oficial.

Escrever de acordo com as novas regras gramaticais definitivamente não causa mal-entendidos aos leitores que não estão cientes das mudanças. Afinal, apenas 1,6% das palavras da norma do português europeu são impactadas pelo acordo ortográfico.

Veja algumas das principais alterações propostas no novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa:

  • A eliminação do trema: as palavras que originalmente usavam o trema não o usarão mais e voltarão à letra normal. Exemplo: lingüiça → linguiça
  • Palavras com ditongos abertos com acento na penúltima sílaba perdem o acento em “-oi” e “-ei”. Exemplo: idéia → ideia
  • Palavras com duas vogais juntas e o acento na penúltima sílaba perdem o acento no “i” e “o”. Exemplo: feiúra → feiura
  • O acento circunflexo não será mais usado em palavras que terminam em “êem” e “ôo”. Exemplos: voo → voo, lêem → leem
  • O acento diferencial usado para distinguir palavras com a mesma grafia e significados diferentes não será mais usado. Exemplos: pára → para, pêlo → pelo
  • O acento agudo no “u” não será mais usada em verbos que terminam em “gue”, “gui”, “que” e “qui”. Exemplo: averigúe → averigue

Quer aprender a escrever melhor?

Como você viu, criar textos não é uma tarefa tão simples. Principalmente se você quer fazer um trabalho bem-feito.

Se você deseja escolher essa segunda opção, a melhor coisa que você pode fazer é buscar por capacitação adequada e praticar bastante. Afinal, criar conteúdos incríveis depende de estudos para aprender como escrever um bom texto.

Nesses casos, apostar em cursos online pode ser uma ótima opção.

Existem ótimas formações no mundo digital que vão capacitá-lo a se tornar um escritor de primeira classe. Uma recomendação é o treinamento de escrita e redação da Cursos 24 Horas.

Nele você encontra as ferramentas básicas para desenvolver sua habilidade de escrever corretamente e com elegância na língua portuguesa.

Comments are closed.