M. Dias Branco reforça atuação global na feira Anuga e lança creme vegetal para exportação

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
A líder brasileira em massas e biscoitos lança a Bel Campo, ampliando o portfólio de cremes vegetais que dispensam refrigeração

A M. Dias Branco, líder em massas e biscoitos no Brasil, participa da Anuga, uma das maiores e mais importantes feiras mundiais de alimentos e bebidas, que reunirá tendências para o segmento em 2020. O maior destaque é o lançamento de Bel Campo, creme vegetal criado especialmente para exportação, que pode ser utilizado para cozinhar. A companhia apresentará também o portfólio das marcas Vitarella, Richester, Isabela, Adorita Tropical e Piraquê. O evento ocorrerá até 09 de outubro, em Colônia, na Alemanha.

O creme vegetal Bel Campo sabor manteiga é indicado para exportação, pois não requer refrigeração, além de contar com o sistema Cover Seal para fechamento da embalagem, característica que garante a inviolabilidade. A inovação possui atributos sensoriais similares à versão tradicional e, além de consumido no pão ou na torrada, pode ser utilizado para cozinhar, devido ao alto teor de lipídios.

Bel Campo representa a ampliação do portfólio da M. Dias Branco em cremes vegetais, desenvolvidos especialmente para exportação. A primeira inovação foi Adorita Tropical, que possui características similares e é ideal para consumo, disponível em diversos países da América do Sul e da África, por exemplo.

Os produtos das marcas Vitarella, Richester, Isabela e Piraquê também serão levados para a feira. Vitarella apresenta o biscoito Delicitá Cristal, com sabor levemente doce, com cristais de açúcar caramelizado, em embalagem de 450g, além de massas e biscoitos wafer, assim como Isabela. De Richester, há as embalagens de 30g dos biscoitos recheados quadrados Animados Zoo. A linha de biscoitos infantis inspirada em animais da fauna brasileira faz sucesso com as crianças de outros países. De Piraquê, a marca que valoriza a cultura étnica brasileira, serão levadas as Torradas e os bicoitos Cracker Gergelin e Goiabinha, que supreendem em outros países.

Os produtos da M. Dias Branco para exportação contam com embalagens específicas, com dados de rotulagem em mais de dois idiomas. Possuem também certificações internacionais de qualidade, segurança alimentar, segurança do trabalho e do meio ambiente, como a FSSC 22000, que abrange todo o sistema de gestão da segurança de alimentos, reconhecida pela Global Food Safety Initiative (GFSI). A companhia possui também a certificação Halal, qualificando-se para exportar seus produtos para o mercado islâmico, que faz uma série de exigências no processo produtivo de seus alimentos.

Presente em 37 países, de todos continentes, a M. Dias Branco participa da Anuga em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

“A Anuga representa a oportunidade de fortalecer o relacionamento com clientes de todo o mundo e gerar novos e importantes negócios para a companhia, a partir de marcas tradicionais brasileiras, como Piraquê, Vitarella e Richester. Apostamos muito no mercado externo e estamos otimistas com o sucesso de Bel Campo, mais uma inovação criada especialmente para exportação”, conclui César Reis, Diretor de Exportação da M. Dias Branco.

 

texto aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *