Em entrevista, o executivo Marcio Alaor fala sobre a história do Banco BMG

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Fundada na década de 30 pela pela família Pentagna Guimarães, a companhia é hoje um dos bancos mais importantes do país.
(DINO) 19/02/2016
O Banco BMG é uma das instituições financeiras mais antigas que operam no mercado brasileiro, sendo também uma das mais importantes atualmente. Com mais de oito décadas de atuação, é líder nacional quando o assunto é crédito consignado e oferece recursos financeiros tanto para pessoas como para empresas, tendo papel importante na evolução econômica do país. Em entrevista concedida, Marcio Alaor, que é um dos principais executivos do banco, fala sobre a trajetória da instituição, desde sua fundação até suas atividades atualmente.Em primeiro lugar, o empresário destaca que o banco surgiu ainda em 1930, fundado pela família Pentagna Guimarães, que desde então passou a fazer parte do mercado financeiro brasileiro. Contudo, o empreendimento, que inicialmente entrou no mercado como o Banco de Crédito Predial S.A, atuava apenas como um banco comercial que ofertava produtos para empresas e pessoas físicas. Somente alguns anos depois a instituição passou a se chamar Banco de Minas Gerais S.A. Já em 1971 a empresa começou a trabalhar também com financiamentos e investimentos, com a criação da Financeira S.A. Crédito. Sendo que dois anos mais tarde o banco passou a investir no atendimento ao mercado de atacado, não trabalhando com talão de cheque, depósitos e conta corrente. Com isso, em 1976, o foco da instituição passa a ser o financiamento de veículos, tanto leves como pesados, o que tornou o banco líder desse segmento no Brasil. Em 1985, a Financeira S.A. Crédito dá um importante passo ao tornar-se detentora majoritária do Brasilinvest Banco Comercial S.A., que é transformado no BMG Banco Comercial S.A.

Marcio Alaor ressalta que na década de 80 o grupo era líder do setor de financiamentos no atacado e varejo, tendo esse mercado como seu foco principal até boa parte dos anos 90, quando, já em 1998, passou a investir suas atividades dando prioridade para a concessão de empréstimos consignados para funcionários públicos. Dessa forma, apenas sete anos depois, em 2005, o banco se tornou líder nacional no setor de consignação. Isso fez a empresa passar a investir ainda mais nesse segmento, inclusive lançando o Cartão de Crédito Consignado, que era descontado diretamente na folha de pagamento do usuário e oferecia boas vantagens em relação às taxas de juros quando era comparado com os cartões tradicionais.

Outro fato que Marcio Alaor comenta é o lançamento, em 2011, de um livro pelo banco falando sobre os 80 anos da empresa e mostrando o progresso da humanidade em relação às questões financeiras. Denominado “Banco BMG 80 Anos – Uma História de Sucesso”, o livro explora as relações comercias da humanidade, a história da economia no Brasil e a participação do banco nesse processo. O executivo também destaca um acordo de associação do banco com o Itaú Unibanco em 2012 com o intuito de aumentar a disponibilidade de créditos consignados. O que resultou, dois anos mais tarde, em um contrato de união de negócios que tornou o banco detentor de 40% do capital total da parceria e lhe permitiu ampliar sua atuação em diversos ramos do setor financeiro.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *