A estratégia da Disney para chegar direto ao consumidor final

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

A Disney surpreende mais uma vez o mercado com o serviço de streaming Disney+ com o qual pretende brigar com a Netflix, Amazon e HBO pela audiência do segmento streaming.

Dona de um grupo de empresas que vão desde os parques temático, passando pelos resorts, estúdios cinematográficos, a rede de TV ABC e emissoras de rádio e Tvs a Cabo (ESPN, ESPN 2, A&E TV e Lifetime Tv)  comprada em 1996 por por US$ 19 bi e a recente compra da Century Fox.  Fazem parte da empresa os canais a cabo como Disney Chanel. A The Walt Disney Company parece que vai dar uma de suas maiores cartadas no mundo dos negócios: Distribuir seus próprios filmes e séries a seu público, sem intermediários.

Com isso a companhia deixara de licenciar sus filmes e optara por distribui-los via streaming o que na prática fará com que ela abra a mão de bilhões de dólares. Essa estratégia parece não assustar os investidores que continuam com seus investimentos na empresa.

Segundo especialistas a ideia é fazer com que as series e filmes continuem a serem exibidas no Disney+  como uma espécie de continuação das histórias tentando assim alavancar cada vez mais assinantes, a previsão é que em cinco anos chegar a 90 milhões de clientes nos próximo , hoje a Netflix tem 158 Milhões de clientes.

A própria Netflix a alguns anos decidiu também produzir seus filmes fazendo o caminho inverso o da Disney, fugir das altas taxa de royalties cobradas para as produções de outras empresas.

Parece que é uma briga que está apenas começando onde difícil vai ser conquistar o consumidor que para assistir seus filmes e sérias favoritas terá que assinar vários serviços de streaming.

Com informações da Revista Exame

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *